Como manter-se em movimento em períodos de crise

Desde o início da nossa trajetória, há 12 anos, sempre percebemos a experimentação como parte essencial do DNA do Firmorama. Ao longo do tempo, ela se manteve como uma importante ferramenta de reinvenção: na expansão do escritório, abertura para profissionais de outros países e inclusão de novos tipos de serviços.

Essa cultura de experimentação se relaciona muito com a ideia de adaptação ao contexto, testando, mudando a rota, recomeçando e buscando maneiras de se manter em movimento. E em períodos de crise não seria diferente!

Com a complexidade deste novo cenário mundial vieram as mudanças de comportamento nas formas de consumo – e não estamos falando apenas de consumidor final, mas também das demandas de serviços, as quais sofreram uma inevitável queda por conta da situação tão incerta e longe de uma possível solução.

Com o mercado em retração e a percepção de que podemos ser agentes de um processo de retomada e fortalecimento, nasce o Firmorama Pocket, serviço direcionado a pequenas e médias empresas que tem justamente esse papel de expandir possibilidades – tanto para nós quanto para os clientes que desejam trazer a gestão de marca para o dia a dia de sua empresa.

Por se tratar de um projeto mais rápido e, consequentemente, com valor reduzido, o Pocket permite que alcancemos novas pessoas, enquanto suas marcas recebem a atenção merecida e recursos para criar conexões verdadeiras e de maneira autêntica com o seu público.

Conheça o Firmorama Pocket: firmorama.com/pocket